Desejo básico: vivenciar o paraíso.

Meta: ser feliz.

Medo: fazer algo errado ou ruim, que provocará punição.

Estratégia: fazer as coisas direito.

Dons: fé e otimismo.

O Inocente também é conhecido como tradicionalista, ingênuo, místico, santo ou sonhador.

Lema: “Somos livres para ser você e eu”.

Os mitos acerca da existência de uma idade de ouro existem em praticamente todas as culturas. O Santo Graal aparecendo para os cavaleiros da Távola Redonda ou a Estrela de Belém, se revelando para os Três Reis Magos, anunciando a chegada do menino Jesus, são símbolos que sugerem que a felicidade pode ser encontrada por meio da pureza e da bondade. O arquétipo do Inocente vive em cada um de nós e quer viver nessa terra perfeita, onde “somos livres para ser você e eu”. 

A vida não precisa ser dura: é nisso que que o Inocente promete.

Seguindo condutas simples – não necessariamente fáceis – aqui e agora, você tem a liberdade para ser você mesmo e viver de acordo com os seus melhores valores.

Especialmente nesses tempos estressantes, de correria e excesso de informação e interrupção, o arquétipo do Inocente é extremamente atrativo porque promete que você pode sair desse caos, relaxar e desfrutar a vida – num ambiente de calma e simplicidade.

As marcas que usam esse arquétipo, como Sucos do Bem e Mãe Terra, sabem muito bem disso.

Marcas do arquétipo do Inocente

Sucos Do Bem (que tem como benchmarking quase que literal da marca Innocent Drins), comprado recentemente pela Ambev, com suas bebidas simples e naturais, quase infantis, com um ícone angelical, tom de linguagem simples e design flat (o minimalismo e o flat design também remetem à simplicidade do Inocente).

A marca de alimentos naturais Mãe Terra, adquirida no final de 2017 pela Unilever, cuja logo e identidade visual parecem remeter à “terra prometida”, um mundo de paz, simplicidade e alimentos naturais.

Uncle Ben´s, marca global de arroz da Mars, cujo ícone – o inocente Tio Ben – está sempre presente na comunicação da marca (conheça o case de sucesso da Azul com a marca Uncle Ben´s).

Disney, grande parte de seus maiores personagens (como o Mickey Mouse) e a Disney World.

São marcas que prometem um resgate da ordem e da previsibilidade em um mundo caótico e imperfeito.

Estrelas do cinema como Tom Hanks e Meg Ryan também podem ser incluídas no arquétipo do Inocente, assim como muitos dos filmes em que eles são protagonistas, como “Forrest Gump”.

Músicas como “The Age of Aquarius” e “Don´t worry, be happy” também se apropriam do arquétipo do Inocente.

Mas o maior popstar do Arquétipo do Inocente é a marca Coca-Cola, que foi resumida da seguinte forma por um personagem do romance, The Blessing, de Nancy Mitford: “Quando digo uma garrafa de Coca-Cola, estou falando metaforicamente. Estou indicando o signo externo e visível de uma coisa interna e espiritual. Estou falando como se cada garrafa de Coca-Cola contivesse um Djim (espírito) e como se esse Djim fosse a nossa grande civilização americana, pronta para saltar de dentro de cada garrafa e cobrir todo o universo global com suas grandes asas abertas”.

Os níveis do Inocente

O apelo: desejo de pureza, bondade e simplicidade.

Nível 1: simplicidade infantil, ingênuo, dependente, obediente, confiante, idílico.

Nível 2: renovação, positivo, reinventar, reestruturar, purificar, reentrar na Terra Prometida.

Nível 3: um senso quase místico de unidade, pelo qual a inocência vem dos valores e da integridade, não da experiência externa. “Ser”, não o “fazer”.

A sombra: negação, repressão.

O Arquétipo do Inocente é adequado para marcas que:

– Oferecem uma resposta relativamente simples a um problema complexo.

– Estão associadas à bondade, à moralidade, à simplicidade, à nostalgia ou à infância.

– Tem funções associadas à limpeza, à saúde ou à virtude.

– Tem preços moderados.

– São produzidas por uma empresa com valores e princípios claros.

– Desejam se diferenciar de algum produto cuja imagem está manchada.


Clique aqui para ler o artigo de introdução aos arquétipos de marca. Ou clique aqui para ler o artigo sobre o Arquétipo do Explorador. 

Serão publicados artigos para cada um dos arquétipos. Preencha o formulário abaixo para ser avisado quando o próximo artigo for lançado.

Deixe seu comentário abaixo com as suas dúvidas, experiências e opiniões sobre esse assunto.